Para: Você

15:34


O problema dos finais é o que sobra de possibilidades, todos aqueles “e se” rodando dentro da minha cabeça desde que você decidiu que era a hora de ir. Tudo passando pela minha cabeça como um livro que eu evito ler por medo do final, todas as manhãs que planejei acordar ao teu lado, todas as piadas que você ainda tinha pra me contar, todas as crises que você me ajudaria a passar, tudo passando rapidamente e virando pó no fim, tudo deixado pra trás.
Todas essas possibilidades se misturam com uma infinidade de lembranças de momentos que nunca existiram, virando um grande amontoado de coisas que eu inventei para me confortar quando a vontade de estar fisicamente com você batia forte, agora isso tudo só faz eu me sentir pior e perdida, como se uma parte de mim tivesse ido e eu só não sei como preencher o buraco que ficou.
Mas entre os “e se” que rodam pela minha cabeça o que mais me incomoda é o “e se eu tivesse feito você ficar?” A verdade é que mesmo se eu tivesse chorado e esperneado você não ficaria, sua vontade de ir já era maior que a de ficar e nada que eu fizesse mudaria isso. Foi uma escolha consciente, foi uma escolha nossa, nós dois tomamos essa decisão juntos, e mesmo que você tivesse escolhido sozinho não há nada que eu possa fazer sobre. Só que dói muito, ver você ai agindo como se nada tivesse acontecido entre a gente, pensar em todas as nossas possibilidades descartadas e ao mesmo tempo ouvir sua voz ecoando na minha cabeça dizendo que escolheu seguir em frente enquanto eu fiquei aqui sem saber exatamente o que fazer.
Amar você é como ouvir meu poema preferido pela primeira vez, uma mistura de sensações que faz uma parte mim se sentir viva, e eu tive que matar essa parte de mim para manter você vivo, não me arrependo, acho até que eu precisava disso para perceber que eu não podia te fazer ficar só por mim, tinha que ser por você também. De qualquer forma, obrigada pela viagem por mais rápida que ela tenha sido, valeu a pena.
No fim de tudo, eu só queria mesmo que você fosse feliz, e isso é algo que eu não posso te ajudar agora, não consigo nem me fazer feliz imagina outra pessoa. Eu passei todo o nosso tempo juntos planejando escrever sobre você, só não esperava que seria uma despedida e nem que ia doer tanto.
O tempo vai passar e talvez em algum momento a gente consiga fazer dar certo, mas por enquanto guarda as suas melhores piores piadas pra quando esse momento chegar, eu também vou guardar minhas melhores risadas.
“Meus átomos sempre vão amar os seus átomos.”

You Might Also Like

0 comentários