Depois

09:47

Dói. Isso resume tudo o que eu tenho a dizer. Meu egoísmo dói. Eu repeti inúmeras vezes o quanto queria que você fosse feliz, mas acaba comigo te ver feliz enquanto eu ainda passo quase todas as noites acordada pensando em como poderia ter sido. E isso é tão egoísta que dá vergonha me sentir assim, mas não consigo evitar, quando percebo o sentimento já está me consumindo completamente e no fim tudo vira raiva.
Raiva de mim por ser egoísta a esse ponto, raiva de você por agir como se eu nunca tivesse existido, raiva da vida que te colocou ai quando você deveria estar aqui, raiva da minha cabeça por não conseguir se concentrar em absolutamente nada, me fazendo perder o apetite, o sono e a disposição.
Tudo o que eu queria era um livro de autoajuda que me ensinasse como a viver tranquilamente com a ideia que você estraga completamente o dia da pessoa que já foi a melhor parte do teu dia, ou como não entrar em uma crise ao perceber que tudo o que o outro tem feito é encontrar meios de cortar todos os tipos de contato porque você só não é mais bem-vindo na vida dele, esse livro resolveria todos os meus problemas, ou só me arranjaria novos.
Eu não lembrava mais qual era a sensação de deixar alguém ir embora da minha vida e de como isso me deixava cada vez mais mesquinha, fria e reservada, a verdade é que eu não lembro quando foi que eu me senti tão sozinha quanto estou me sentindo nas últimas semanas, eu nunca tive tanta vontade de chegar em casa e contar todo o meu dia para você como sinto agora, uma saudade quase insuportável de passar a noite inteira te contando lembranças e inseguranças mesmo que você fosse cair no sono na metade.
Todos os dias eu arranjo uma nova forma de preencher esse vazio que você deixou, tanto é que todas as minhas promessas de parar de beber e fumar já foram por água abaixo. Faço isso só para esquecer, esperando que de alguma forma isso leve tudo embora, uma hora vai levar, e assim como você, vou começar a acordar radiante.

You Might Also Like

0 comentários