inquebrável

23:55


A montanha permanece intacta, nenhum movimento sequer. Nenhuma interferência humana no modo como deve agir. Mas interferem em sua estrutura, e é justamente isso que fere por dentro e por fora. Ela tenta disfarçar mostrando suas belezas ainda não vistas, os sons modificando seu estado de humor. Ela tenta disfarçar arranjando hobbies e amando o que não sabe se um dia terá. Ela tenta disfarçar dando a impressão "eu não ligo pra nada, pode dizer", mas ela liga sim, tanto que sabe seu poder de ferir algo ao seu redor como fazem com ela, por isso tenta deixar enterrado esse seu lado, dentro de uma pedra encoberta pela mata que a cerca, despistando o caminho com seus fiéis animais que tentam impedir de esse lugar ser descoberto. Mas há vezes que eles se descuidam, e ela age sem pensar, poucas são essas vezes. Ah essa montanha, acha que já sabe tanto, muitas vezes acredita que está certa e ponto. Mas ainda ouve conversas escondidas escuta o que não quer. Se pergunta porque a vida é assim, injusta com ela. Coitada dela se acabar quebrando a cara com a vida. Pelo menos irá aprender. Aprender que não pode ter tudo que quer na hora que deseja, tem de haver paciência. Apesar de tudo, ela tenta. Tenta ser melhor, mas esse seu melhor, essa fome de mudança não dá resultados relevantes. Essa montanha já foi tão linda e sorridente. Taparam seu sorriso, sorriso que as vezes nem era sorriso mesmo, era mais como uma máscara cobrindo-a, para que não percebessem seu solo encharcado. Não era feliz. Guardar sentimentos era fácil para ela, afinal, nunca deveu explicações á ninguém. Esse ninguém era tudo para ela. Tão iludida a coitada, acredita tanto nas pessoas, e quando as tem, quer somente para ela. Mas não a entendam mal, ela é muito carente, digamos que no passado fizeram-na sofrer, esmagaram seus frutos e fizeram suco, destruíram toda exuberância que estava florescendo. Por isso tal insegurança. Mas ela ama com tanta força aqueles que cuidam dela, que não a matam por dentro. Torçamos para que ela não se decepcione. Tão desligada tal montanha, que as vezes quem está ao seu lado sofre por suas mudanças repentinas de humor. Mas ela só precisa de tempo na maioria das vezes, para saber quem realmente importa. Mas há tantos lugares a desvendar ainda. Como ela diz " Há muito que se falar sobre mim, mas não há tal necessidade, as pessoas vão te conhecendo e te julgando por ser legal ou não, apenas se estiveres arrumada e perfeita." Ela continua ali, imóvel, apenas esperando o dia que algo lhe dê um motivo para se mexer, enquanto isso ela vai observando e aprendendo, escutando mas as vezes apenas ouvindo. Acostume-se a ela, sejam amigos e ela te dará o melhor que tem, as vezes não sobrando nada para ela, mas esta ainda está feliz. Feliz por ver um sorriso de agradecimento, isso basta para ela. E então ela morrerá em paz. Boa noite surpreendente montanha, logo mais outras histórias suas virão, em palavras diferentes vindas do seu coração de tinta. Não sei se você me vê, eu sei quem é você.

You Might Also Like

0 comentários